°°°°°°°°°°°fotominha1.jpg°°°°°°°°°°°° ImageChef Custom Images

domingo, 17 de fevereiro de 2013

"A verdade é que todo mundo vai te machucar,você só tem que escolher por quem vale a pena sofrer."

 




Todo mundo sofre
(Everybody hurts)

Quando o dia é longo, e a noite
A noite é somente sua
Se você tem certeza [que] já teve o suficiente desta vida,
Bem, persista...
Não desista de si mesmo, pois todo mundo chora
E todo mundo sofre, às vezes...

Às vezes tudo está errado,
Nesse momento é hora de cantar junto.
Quando seu dia é noite, sozinho, (Agüente, agüente)
Se você tiver vontade de desistir (Agüente....)
Se você achar que teve demais desta vida,
Bem, persista...

Pois todo mundo sofre,
Consiga conforto em seus amigos.
Todo mundo sofre...
Não se resigne, oh, não!
Não se resigne
Se você sentir como se estivesse sozinho.
Não, não, não, você não está sozinho...

Se você está por conta própria nesta vida,
Os dias e noites são longos,
Quando você sentir [que] teve demais desta vida
Para persistir...

Bem, todo mundo sofre
Às vezes, todo mundo chora.
E todo mundo sofre
Às vezes...
Mas todo mundo sofre às vezes...
Então agüente, agüente, agüente, agüente,
agüente, agüente, agüente, agüente...

Todo mundo sofre...
Você não está sozinho...




 
 

 

Everybody Hurts

(Natasha Bedingfield)


When your day is long and the night
The night is yours alone
if you're sure you've had enough of this life
Well hang on
Don't let yourself go, 'cause everybody cries
and everybody hurts, sometimes ...

Sometimes everything is wrong,
Now it's time to sing along
When your day is night alone (hold on, hold on)
If you feel like letting go (hold on)
when you think you've had too much of this life
Well hang on

'Cause everybody hurts
Take comfort in your friends
Everybody hurts
Don't throw your hands, oh no
Don't throw your hands
If you feel like you're alone
no, no, no, you're not alone

If you're on your own in this life
The days and nights are long
When you think you've had too much
of this life, to hang on

Well everybody hurts,
sometimes, everybody cries,
And everybody hurts ...
sometimes
But everybody hurts sometimes
So hold on, hold on, hold on, hold on, hold on,
hold on, hold on, hold on, hold on, hold on

Everybody hurts
You're not alone






 

EVERYBODY HURTS é uma canção do REM,

lançada originalmente no álbum da banda em 1992.

Alcançou as melhores posições nas paradas do
 mundo inteiro.





 

 
Natasha Anne Bedingfield (Surrey, 26 de novembro de 1981 é uma cantora e compositora pop britânica contratada da RCA Records / Sony Music.

Sua estreia musical foi após 1990 ao lado dos irmãos Daniel Bedingfield e Nikola Rachelle, no grupo cristão dance/eletrônico The DNA Algorithm. De 1990 até aproximadamente o ano 2000, Natasha gravou músicas rock e gospel para Hillsong London Church. Bedingfield gravou seu primeiro álbum solo intitulado Unwritten em 2004. O álbum continha canções pop influenciadas pelo R&B, e se tornou um grande sucesso comercial com pouco mais de 2,5 milhões de cópias vendidas no mundo inteiro. Em 2007 Natasha recebeu uma nomeção aoGrammy Award de Best Female Pop Vocal Performance pela canção Unwritten. Seu segundo álbum N.B. lançado em 2007 rendeu os singles "I Wanna Have Your Babies", "Soulmate", e "Say It Again", com cinco singles que atingiram o top 10 no Reino Unido, o álbum vendeu mais de 2 milhões mundialmente. Natasha se tornou a terceira cantora solo a ter um álbum que entrou no primeiro lugar na lista dos mais vendidos do Reino Unido. Ela e seu irmão Daniel entraram no Livro Guinness dos Recordes como os únicos irmãos a terem singles solo a irem para número um na lista dos mais vendidos do Reino Unido. Ela também foi a voz da personagem Elizabeth Stark, uma bond-girl no jogo de vídeo game From Russia With Love da Eletronic Arts.

 




 


http://www.dontstopthemusic.com.br/Musicas/Internacionais/Natasha_Bedingfield/Everybody_hurts_MS.mid






 
 

 

"Não importa o que você seja, quem você seja, ou que deseja na vida, a ousadia em ser diferente reflete na sua personalidade, no seu caráter, naquilo que você é. E é assim que as pessoas lembrarão de você um dia.

- "A verdade é que todo mundo vai te machucar,você só tem que escolher por quem vale a pena sofrer."

Um dia a tristeza vai embora... Aprendemos a sorrir novamente... Fazemos novas amizades... E vemos que todo aquele sofrimento do passado, não valeu tanto a pena... Pois se a vida fez as coisas andarem dessa forma... Foi porque não era pra ser... Pois se era pra ser o que pensavamos que era, não teriamos tomado rumos diferentes... Teriamos continuado caminhando na mesma direção."

(Ayrton Senna)

 



 

 

 

"O medo de sofrer é pior
que o próprio sofrimento,
e nenhum coração jamais
sofreu quando foi em
busca do seu sonho."

(Paulo Coelho)

 

 

 

"Se é pra sofrer, que seja sozinho, onde seu rosto possa

 estampar desalento, inchaços, nariz vermelho, olhar perdido,

 boca crispada. Se é pra sofrer, que o corpo possa verter, vergar,

amolecer. Se é pra sofrer, que possa ser descabelado, que possa

ser de pés descalços, que possa ser em silêncio."

(Martha Medeiros)

 

 

 

 

 

"Se tanta pena tenho merecida
Em pago de sofrer tantas durezas,
Provai, Senhora, em mim vossas cruezas,
Que aqui tendes uma alma oferecida.

Nela experimentai, se sois servida,
Desprezos, desfavores e asperezas,
Que mores sofrimentos e firmezas
Sustentarei na guerra desta vida.

Mas contra vosso olhos quais serão?
Forçado é que tudo se lhe renda,
Mas porei por escudo o coração.

Porque, em tão dura e áspera contenda,
É bem que, pois não acho defensão,
Com me meter nas lanças me defenda."

(Luís de Camões)


 

CONVITE TRISTEMeu amigo, vamos sofrer, 
vamos beber, vamos ler jornal, 
vamos dizer que a vida é ruim, 
meu amigo, vamos sofrer. 

Vamos fazer um poema 
ou qualquer outra besteira. 
Fitar por exemplo uma estrela 
por muito tempo, muito tempo 
e dar um suspiro fundo 
ou qualquer outra besteira. 

Vamos beber uísque, vamos 
beber cerveja preta e barata, 
beber, gritar e morrer, 
ou, quem sabe? beber apenas. 

Vamos xingar a mulher, 
que está envenenando a vida 
com seus olhos e suas mãos 
e o corpo que tem dois seios 
e tem um embigo também. 
Meu amigo, vamos xingar 
o corpo e tudo que é dele 
e que nunca será alma. 

Meu amigo, vamos cantar, 
vamos chorar de mansinho 
e ouvir muita vitrola, 
depois embriagados vamos 
beber mais outros sequestros 
(o olhar obsceno e a mão idiota) 
depois vomitar e cair 
e dormir. 

(Em: Brejo das Almas)
(Carlos Drummond de Andrade)

 

 
 

Cazuza ainda dizia, lá no meio dos versos, que pega mal sofrer.
Pois é, pega mal. Melhor sair pra balada, melhor forçar um sorriso,
melhor dizer que está tudo bem, melhor desamarrar a cara.
“Não quero te ver triste assim”, sussurrava Roberto Carlos
em meio a outra música. Todos cantam a tristeza, mas poucos
a enfrentam, de fato. Os esforços não são para compreendê-la, e,
 sim, para disfarçá-la, sufocá-la. Ela que, humilde, só quer usufruir
 do seu direito de existir, de assegurar seu espaço nesta sociedade
 que exalta apenas o oba-oba e a verborragia, e que desconfia de
quem está calado demais. Claro que é melhor ser alegre que ser
 triste (agora é Vinícius), mas melhor mesmo é ninguém privar você
 de sentir o que for. Em tempo: na maioria das vezes, é a gente mesmo
 que não se permite estar alguns degraus abaixo da euforia."
Martha Medeiros

Persistir

M

inha alma vagueiaA procura de algo incomum
Pela sede de um sonho distante
Que se perde em lugar nenhum

Ah! … Incansável é a persistência em mim…

Num espaço restrito que vivo
Anseio por encontrar
O que na imaginação existe
E na realidade não vive

Ah!… Incansável é a persistência em mim…

A procura e o anseio se misturam
Numa visão contorcida da vida
Tentando dissipar a névoa escura
Dos olhos molhados pela dor sentida

Ah!… Estou cansada e desistindo…

Porém, minha alma ainda vagueia
Insistindo, indo…
Procurando, precisando,
Encontrar Deus…

Encontrar…

Deus...





Nenhum comentário:

Postar um comentário