°°°°°°°°°°°minha3.jpg°°°°°°°°°°°° ImageChef Custom Images

domingo, 29 de setembro de 2013

“Sorrisos e abraços espontâneos me emocionam.Palavras até me conquistam temporariamente.Mas atitudes me ganham para sempre”.(Clarice Lispector)

 
Belle image ... rêveries
 
Você me ganhou com um olá
(You Had Me From Hello -Bon Jovi)

Na frente do espelho você arruma o seu cabelo e se maqueia
Você está insegura sobre que roupas usar
Eu não consigo ver nada errado
Pra mim você parece tão linda
Quando você é você mesma
Já são oito e meia,está ficando tarde
Tudo bem tome seu tempo
De pé aqui com as mãos em meu bolso
Como estive já muitas vezes
Lembrando do passado,foi preciso uma respiração
e uma palavra para mudar minha vida
A primeira vez que te vi,
me senti como se voltasse para casa
Se nunca te contei quero que apenas saiba
Você me ganhou com um olá
Quando andamos pela multidão é como se estivessemos totalmente sozinhos
Todo mundo tenta roubar sua atenção
Você apenas sorri e rouba o show
Você vem pra mim e segura minha mão
Começamos a dançar devagar
Você coloca seus lábios em meu ouvido e sussurra baixinho
A primeira vez que te vi me senti como se voltasse pra casa
Se nunca te contei quero apenas que saiba
Você me ganhou com um olá
E quando você esta deitada ao meu lado
Eu sinto a batida de seu coração e me lembro...
A primeira vez que te vi me senti como se voltasse pra casa
Se nunca te contei quero apenas que saiba
Você me ganhou com um olá
com um olá
com um olá
 
 
Belle image  ... rêveries
You Had Me From Hello
(Bon Jovi)

At the mirror you fix your hair and put your makeup on
You're insecure about what clothes to wear
I can't see nothing wrong
To me you look so beautiful when you can't make up your mind
It's half past eight, it's getting late
It's OK, take your time
Standing here my hands in my pockets
Like I have a thousand times
Thinking back it took one breath
One word to change my life
The first time I saw you it felt like coming home
If I never told you I just want you to know
You had me from hello
When we walk into a crowded room it's like we're all alone
Everybody tries to kidnap your attention
You just smile and steal the show
You come to me and take my hand
We start dancin' slow
You put your lips up to my ear and whisper way down low
From the first time I saw you it felt like coming home
If I never told you I just want you to know
You had me from hello
And when you're laying down beside me
I feel your heartbeat to remind me...
The first time I saw you it felt like coming home
If I never told you I just want you to know
You had me from hello
From hello
From hello
 
 

Jon Bon Jovi (nome artístico de John Francis Bongiovi, Perth Amboy, 2 de março de 1962)
é um cantor e músico dos Estados Unidos. Nasceu em Perth Amboy, mas aos 4 anos de idade
juntamente com a família Bongiovi, descendente de italianos, o pai John Bongiovi,
a mãe Carol Bongiovi e os irmãos mais novos, Matt e Anthony, se mudou para a cidade
que hoje é conhecida por ele ter passado a infância e adolescência, a cidade de Sayreville,
Nova Jérsei. É membro sênior da Ordem DeMolay.

É o líder da banda Bon Jovi, que mantém algumas características do estilo hard rock
dos anos 80 até hoje, mas assimilou influências dos variados estilos surgidos no rock
e heavy metal desde o seu álbum de estréia, em 1984. Sua banda já vendeu mais de
130 milhões de álbuns em todo o mundo.1 A banda Bon Jovi ao passar dos anos veio
a se tornar uma das bandas mais bem sucedidas da história do rock, quando se trata
de turnês pelo mundo, sua marca, músicas em seriados, e aparições em programas de tv,
a banda em 2011 foi eleita pela revista Rolling Stone como a segunda banda de rock mais
cara do planeta, perdendo o topo posteriormente para a banda irlandesa U2.



 
Papel de Parede - Namorados na Praia
 
SONETO
 
O quanto perco em luz conquisto em sombra.
E é de recusa ao sol que me sustento.
Às estrelas, prefiro o que se esconde
Nos crepúsculos graves dos conventos.
Humildemente envolvo-me na sombra
que veste, à noite, os cegos monumentos
isolados nas praças esquecidas
e vazios de luz e movimento.
Não sei se entendes: em teus olhos nasce
a noite côncava e profunda, enquanto
clara manhã revive em tua face.
Daí amar teus olhos mais que o corpo
com esse escuro e amargo desespero
com que haverei de amar depois de morto.
(Carlos Pena Filho)
 
 
Bleu .. belle image
 

CONQUISTA-ME!
 
Vem !
Me conquista amor ,
ando tão carente !
Estou a esperar,
que você chegue em breve
e me leve com você ,
assim...intempestivamente.
Vem!
Porque toda essa demora ,
Olhe, pense , obseve ...e então ?
Vou com você pra onde você for ...
Ja está surgindo a aurora ,
e eu, insone , a te esperar em vão...
Preciso de você ,
vem me tirar da solidão !
Vem...
Me conquista o coração e a alma,
temos tudo para juntos voar .
Será que vc náo vê ?
que isso só depende de você .
De você eu espero Amor,
e tenho muito Amor pra dar.
(Isadora Cristina Jacob Moreira)
 
Belle image ... rêverie  ...
Soneto XLVI
 
"Minha vista e meu coração travam mortal combate,
Sobre como dividir a conquista de tua visão:
O meu olho barraria do meu coração o retrato de tua visão,
Meu coração, ao meu olho a liberdade daquele direito.
Meu coração acha que tu nele te quedas,
(Um segredo jamais penetrado com olhos penetrantes)
Mas o defensor nega a acusação,
E diz que nele a tua bela aparição se queda.
A decidir a peleja é convocada
Uma busca dos pensamentos, que todos ligados ao coração;
E com o seu veredito fica determinado
A metade do olho límpido, e parte do caro coração:
Assim, o devido ao meu olho é tua parte externa,
E o direito do meu coração, o teu amor interior de coração."
(William Shakespeare)


Te Olho Nos Olhos
(Ana Carolina)
 
Te olho nos olhos e você reclama
Que te olho muito profundamente.
Desculpa,
Tudo que vivi foi profundamente...
Eu te ensinei quem sou...
E você foi me tirando...
Os espaços entre os abraços,
Guarda-me apenas uma fresta.
Eu que sempre fui livre,
Não importava o que os outros dissessem.
Até onde posso ir para te resgatar?
Reclama de mim, como se houvesse a possibilidade...
De me inventar de novo.
Desculpa...se te olho profundamente,
Rente à pele...
A ponto de ver seus ancestrais...
Nos seus traços.
A ponto de ver a estrada...
Muito antes dos seus passos.
Eu não vou separar as minhas vitórias
Dos meus fracassos!
Eu não vou renunciar a mim;
Nenhuma parte, nenhum pedaço do meu ser
Vibrante, errante, sujo, livre, quente.
Eu quero estar viva e permanecer
Te olhando profundamente."
 

Nenhum comentário:

Postar um comentário